Publicidade

Principais doenças da cultura do algodão que você precisa saber

Principais doenças da cultura do algodão que você precisa saber

Principais doenças da cultura do algodão. A princípio, o cultivo do algodão é um mercado atrativo para os produtores brasileiros, no entanto, existem diversos obstáculos, entre eles o mercado climático, e está associado à ocorrência de pragas e doenças.

Principais doenças da cultura do algodão

Publicidade

As duas principais doenças que ocorrem em regiões produtoras de algodão são as manchas de ramulária, que são causadas por fungos que ainda estão vivos em restos culturais, e manchas angulares causadas por bactérias. 

Os dois podem ser um pouco confusos dependendo da forma da lesão, mas são facilmente distinguidos, é o que veremos em seguida!

Os nematóides, embora não muito reconhecíveis, tem-se como motivo de preocupação para os produtores de muitas regiões produtivas, por isso as principais espécies e sintomas se tem apresentados.

Publicidade

Ramulária

Causadas pelo fungo Ramularia areola, as manchas de ramularia tem-se consideradas uma das principais doenças das plantas.

Como identificar em campo?

Uma vez que os sintomas da doença são bastante característicos – manchas angulares branco-azuladas, a percepção é bastante simples. 

Publicidade

Além disso, com o conhecimento do ambiente favorável e da história da doença na área, o monitoramento também pode facilitar o reconhecimento precoce da doença.

Sintomas e danos

Os sintomas ocorrem em ambos os lados das folhas, no entanto, o ataque é na face superior. Inicialmente, observam-se manchas de forma angular e cor branco-azulada, características da doença. 

As lesões têm entre 1 e 3 mm de tamanho e podem se tornar maiores à medida que a doença progride.

Com a progressão da doença e em função da formação de esporos fúngicos, a ferida torna-se branca / amarelada.

A doença se manifesta com maior gravidade, principalmente na fase de reprodução das plantas.

condições favoráveis;

Por fim, as temperaturas entre 25 e 30ºC associadas à alta umidade relativa do ar são boas para doenças, exigindo monitoramento constante.

DEIXE SUA AVALIÇÃO

 Fala pessoal, espero que vocês estejam todos bem. Meu nome é Marlus, escrevo para o Blog desde 2018, sou apaixonado pelo setor agrícola. Estou sempre trazendo as melhores dicas sobre plantações para você manter sua roça linda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *