Publicidade

O que são pragas agrícolas, como surgiram e como agem!

O que são pragas agrícolas

O que são pragas agrícolas? A princípio, o agricultor investe em maquinário, contrata mão de obra, compra quantias e trabalha duro para garantir uma boa colheita, mas deve estar preparado para enfrentar o “pequeno inimigo” que entra na fazenda sem bater na porta e pode literalmente corroer toda a lavoura: pragas agrícolas.

O que são pragas agrícolas?

Publicidade

Em primeiro lugar, é importante entender o que são pragas agrícolas. Podemos dizer que são basicamente organismos que causam danos às suas culturas, como doenças (causadas por fungos, bactérias e vírus). Insetos e ervas daninhas

Como eles surgiram?

Você já se perguntou por que eles se desenvolveram? Compreender esse processo é um princípio para a compreensão dos mecanismos de prevenção e controle.

Você já deve ter notado que, no ambiente natural, as plantas coexistem pacificamente com outros organismos devido ao equilíbrio ecológico. Podemos dizer que todos os insetos e microorganismos têm seus próprios predadores, e isso garante que nenhuma espécie se espalhe de maneira desorganizada.

Publicidade

No entanto, a agricultura não é um ambiente natural. Muitas vezes, as plantas estão fora de seu habitat original, em condições de solo e clima muito diferentes daquelas preparadas por sua constituição biológica. Em algumas situações, a luminosidade, a umidade do ar, o nível de irrigação e o estado nutricional do solo não são adequados para essa planta.

Existem outros problemas desagradáveis que podem tornar a vida vegetal ainda pior: chuvas esparsas ou excessivas, temperaturas em rápido aumento e outros aspectos. Portanto, os vegetais são fracos e vulneráveis a ataques de pragas.

Publicidade

Outro fator importante são os aspectos relacionados ao equilíbrio ecológico. Por exemplo, na monocultura, o cultivo de uma única espécie torna-se um prato cheio para os insetos que a comem. Sem predadores naturais, as pragas se espalham soberanamente.

Como eles agem?

A maneira como as pragas agem nas plantas varia muito, dependendo do tipo de agente e das variedades de plantas. Assim, cada planta terá uma praga específica que ataca pelo menos um tipo de jardim.

Por exemplo, fungos como Puccinia psidii no cultivo de jabuticaba muitas vezes atacam folhas, caules e raízes, causando manchas e podridão.

Por outro lado, os insetos podem construir diretamente (comer a fruta a ser colhida) ou indiretamente (comer partes da planta que impedem ou dificultam o seu desenvolvimento). É o caso da furadeira de café (Hypothenemus hampei), que penetra no grão e reduz o peso, reduzindo o valor comercial do produto.

DEIXE SUA AVALIÇÃO

 Fala pessoal, espero que vocês estejam todos bem. Meu nome é Marlus, escrevo para o Blog desde 2018, sou apaixonado pelo setor agrícola. Estou sempre trazendo as melhores dicas sobre plantações para você manter sua roça linda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *