Publicidade

Tudo sobre o Biodiesel no Brasil e informações da produção

Tudo sobre o Biodiesel no Brasil e informações da produção

Tudo sobre o Biodiesel no Brasil. A princípio, neste artigo falaremos sobre o biodiesel  e o uso no Brasil. Verifique em seguida!

Tudo sobre o Biodiesel no Brasil

Publicidade

No Brasil, a prática de adição de biodiesel ao diesel teve início em 2004, em caráter experimental. E entre 2005 e 2007 passou a ser comercializada voluntariamente a 2% de teor (B2).

Dessa forma, em 2008, 2% dos ingredientes tornaram-se obrigatórios, aumentando de forma constante ao longo dos anos até atingir 13% (B13) em março de 2021, com 15% esperados para atingir 15% (B15) em março de 2023.

No entanto, o governo federal determinou a redução do biodiesel na mistura para 10% (B10) em setembro daquele ano. A razão é o impacto dos custos do biodiesel no preço final do diesel.

Publicidade

Isso porque a maior parte da produção de biodiesel no país é atualmente feita a partir do óleo de soja. Nesse sentido, onde a demanda de exportação está aumentando à medida que o dólar é valorizado em relação ao real, refletindo o valor da soja no mercado interno.

Informações de Produção

De acordo com dados do Sistema de Movimentação de Produtos da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis):

Publicidade

A produção de biodiesel no Brasil tem-se atualmente de cerca de 6 milhões de metros cúbicos, dos quais cerca de 47% se te, produzidos na região Sul e 38% na região Centro-Oeste. O estado do Rio Grande do Sul é o maior produtor de combustível, seguido por Mato Grosso e Paraná.

Existem 52 instalações de produção, sendo: 27 no Centro-Oeste, 12 no Sul, 6 no Sudeste, 5 no Nordeste e 2 no Norte do país.

Para as matérias-primas, mais de 72% da produção de biodiesel é feita a partir de óleo de soja, quase 12% de misturas de ácidos graxos obtidos a partir do processamento de subprodutos da própria produção de biodiesel, cerca de 7,5% de gordura de vaca, seguido pelo uso de óleo de palma de gordura bruta.  Use óleo de fritura, óleo de algodão, gordura de frango, óleo de milho e, finalmente, óleo de canola.

DEIXE SUA AVALIÇÃO

  Fala pessoal, espero que vocês estejam todos bem. Meu nome é Marlus, escrevo para o Blog desde 2018, sou apaixonado pelo setor agrícola. Estou sempre trazendo as melhores dicas sobre plantações para você manter sua roça linda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *