Publicidade

Como plantar cana caiana no quintal passo a passo!

O cultivo da cana-de-açúcar pode ser bom para o seu negócio, principalmente pela variedade de usos dessa grama. É matéria-prima para a produção de açúcar, melado, cachaça, rum, bagaço e etanol, além, é claro, de um delicioso caldo de cana-de-açúcar.

Publicidade

É lógico que para algumas dessas aplicações, como o processamento de combustível, é necessária uma abundância de cana-de-açúcar. Mas é importante entender as possibilidades dessa cultura, conhecer os benefícios do crescimento e saber como ela beneficia suas necessidades.

Por mais que você não plante canaviais ainda assim, a decisão de cultivar cana-de-açúcar pode ser muito lucrativa. Além de vendê-lo a comerciantes locais para garantir o consumo para a produção de caldo de cana ou mesmo para consumo fresco, também é possível usá-lo como ração animal, como vacas e cabras.

Interessado em conhecer a técnica de cultivo de cana-de-açúcar? Então continue lendo este artigo!

Publicidade

5 passos para o sucesso no cultivo da cana-de-açúcar

Cultivar cana-de-açúcar não é difícil, mas se você planeja ter bons rendimentos e controle eficaz de pragas, você deve seguir os passos que apresentaremos abaixo. Verificar!

1 – preparar a terra e a área de plantio;

Publicidade

Uma boa terra para o cultivo de cana-de-açúcar é uma terra rica em compostos orgânicos, portanto, usar o composto que você preparou em sua propriedade pode oferecer condições ideais para que a planta cresça de forma saudável. E é importante que o plantio seja feito em locais com alta incidência de sol, já que a cana-de-açúcar precisa dessa luz constante.

2 – escolha a melhor época para plantar

Quem cultiva cana-de-açúcar em abundância sabe que a planta precisa de luz solar, calor e umidade. Considerando isso, existem três tipos de plantios que podem ser usados para oferecer à planta condições ideais:

Plantio de ano e meio (de 16 a 18 meses): feito de janeiro a março é o mais indicado e utilizado, pois nele os botões podem crescer rapidamente já no primeiro mês devido às altas temperaturas, evitando a infestação de pragas quando a planta é jovem, período durante o qual é mais sensível. A taxa de crescimento da planta diminui devido ao inverno (abril a agosto) e as culturas estão sendo plantadas pelos próximos sete meses (setembro a abril). Após esse período, a cana-de-açúcar amadurece e pode ser colhida de maio a julho. É um método que garante o melhor rendimento.

Ano de plantio (12 meses): Embora a colheita seja mais rápida, o rendimento é reduzido, uma vez que a planta tem menos tempo produtivo para crescer (apenas um verão, correspondendo a sete ou oito meses de desenvolvimento).

Plantio de inverno: neste caso, depende da região em que você mora. Como regra geral, esta estação também corresponde à estação seca, sendo necessário realizar a irrigação e prestar mais atenção ao cultivo para garantir o seu desenvolvimento. Além disso, os botões levam muito tempo para se desenvolver, tornando a planta suscetível a pragas. Aqui, o trabalho de plantio de cana-de-açúcar deve ocorrer entre junho e agosto.

3 – Plante os colmos

Escolhendo bem o tempo de plantio e certificando-se de que as condições necessárias para o desenvolvimento da planta estão garantidas, é hora de agir no terreno! Comece fazendo sulco  medindo cerca de 20 ou 30 centímetros de distância, de 1 metro a 1,20 metros de distância.

Então, para cultivar cana-de-açúcar, você precisa usar suas próprias plantas. Como você pode ver, ele é dividido em várias partes, chamadas troncos. Você deve cortar os pés de cana no meio das hastes, e não em seus departamentos, porque é nessa partição (ou nó) que nascem os brotos.

4 – rega e controle de plantas daninhas;

Como já mencionamos, a primeira rega deve ocorrer imediatamente após o plantio para manter o solo úmido, condição necessária para o desenvolvimento da cana-de-açúcar. Se for plantada no inverno, a rega é um importante ponto de cultivo para manter o solo úmido.

Outro cuidado são as ervas daninhas, que podem ser um incômodo nos estágios iniciais de desenvolvimento. Para evitá-lo, é possível deixar a profissão de plantio de perto, de modo que a própria cana-de-açúcar forneça sombra no espaço entre as plantas, reduzindo condições favoráveis para o crescimento indesejável das plantas. Outra maneira é remover ervas daninhas e deixar a área limpa. Quem quer poder investir em herbicidas para fazer esse controle.

5 – realizar o controle de pragas;

Para evitá-los, a primeira dica é começar a cuidar da terra antes de começar a jardinagem. Por exemplo, girar o solo com uma pá para expor larvas de besouros ao sol é a primeira medida na luta contra infestações. Depois de cerca de duas semanas, podemos nos mover novamente na terra para moer isso, e na quarta semana começar a preparar a terra para o cultivo.

Esta preparação pode começar com o uso de inseticidas e outros pesticidas para proteger contra cupins, raízes de charutos, rinha e outras pragas. Portanto, é necessário conhecer o manejo integrado adequado de pragas para o cultivo da cana-de-açúcar.

Durante o crescimento da planta, também é interessante seguir para pegar alguns predadores que podem danificar a planta. Por exemplo, uma broca gigante é um dos problemas que é possível evitar desta forma. O controle biológico com parasitas naturais também é identificado tanto com brocas gigantes quanto com brocas de cana-de-açúcar.

Por fim, vale destacar o nematoide, que pode ser um incômodo para quem decide cultivar cana-de-açúcar. Aqui no blog já falamos sobre como tratar essa praga e na hora de cortar, não se esqueça de fazer isso bem perto do solo, pois essa é uma ação que dificulta novas infestações no replantio.

4.5/5 - (2 {VOTO})

  Fala pessoal, espero que vocês estejam todos bem. Meu nome é Marlus, escrevo para o Blog desde 2018, sou apaixonado pelo setor agrícola. Estou sempre trazendo as melhores dicas sobre plantações para você manter sua roça linda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *