Publicidade

3 tipos de maracujá mais consumidos no Brasil!

3 tipos de maracujá

3 tipos de maracujá. A princípio, o maracujá possui cerca de 600 espécies registradas, das quais 150 são nativas do Brasil, ou seja, existem muitas espécies de maracujá espalhadas pelo país.

3 tipos de maracujá

Publicidade

Rico em vitaminas do complexo A, C e B, além de sais minerais como ferro, sódio, cálcio e fósforo, o maracujá ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue, colesterol, função intestinal e fortalecer a imunidade. Dessa forma, de fato, é necessário ressaltar que, além de usar sua polpa, é possível aproveitar as propriedades de suas folhas, além de ser um poderoso sedativo usado na produção de chás e medicamentos.

Maracujá-doce

A primeira espécie que vamos destacar e que é, sem dúvida, muito popular é o maracujá-doce (Passiflora alata). Nesse sentido, nativo da Amazônia, é uma espécie trepadeira que se assemelha ao mamão. Tem um sabor muito doce, e sua polpa é geralmente consumida a partir de uma colher.

A polpa contém fósforo, potássio, cálcio, zinco e ferro, ricos em vitaminas A e C, além de ser uma excelente fonte de flavonoides antioxidantes.

Publicidade

Maracujá-roxo

O maracujá-roxo (Passiflora edulis) é a mesma espécie que o maracujá-amarelo ou azedo (P. edulis f. flavicarpa), no entanto, é menos ácido que seu irmão mais velho. É rico em vitamina C, possui propriedades antioxidantes e nesse sentido uma alta taxa de fibras em sua composição, além de nutrientes essenciais: ferro, potássio, cálcio e outros.

Dessa forma, ele se tem cultivado em climas extremos, principalmente nos estados do sul do Brasil, popular em alguns países europeus, como Holanda e Bélgica.

Maracujá-maçã

Publicidade

Por fim, como o próprio nome diz, se tem muito parecido com uma maçã. Entre as características desta fruta, se tem menos ácida do que as variedades mais primitivas, rica em fibras que ajudam na digestão. Além de ter um sabor doce. Também contém as principais vitaminas dos complexos A, B e C.

Curiosidade: Por ter uma casca muito dura, as maçãs de maracujá são chamadas de “maracujá ósseo”. Outro detalhe interessante é que, devido às suas propriedades, torna-se um excelente sedativo natural.

 Aqui estão as informações solicitadas sobre os diferentes tipos de maracujá no Brasil:

1. Tipos de maracujá silvestre (Maracujá do Mato):

   – Passiflora setacea: É uma espécie de maracujá silvestre nativa do Brasil, conhecida por seus pequenos frutos alaranjados.

   – Passiflora tenuifila: Outra espécie nativa, produz pequenos frutos amarelos e é comumente encontrada em áreas florestais.

2. Tipos de maracujá com fotos:

   Infelizmente, como se trata de uma IA baseada em texto, não posso fornecer fotos directas. No entanto, pode procurar os seguintes tipos online para encontrar imagens:

   – Maracujá amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa): A variedade comercial mais comum com frutos amarelos.

   – Maracujá roxo (Passiflora edulis f. edulis): Tem frutos de cor púrpura escura ou quase preta e é frequentemente utilizado para a produção de sumo.

3. Tipos de maracujá gigante:

   Não existem variedades específicas denominadas de “maracujá gigante” no Brasil. No entanto, algumas cultivares de maracujá podem produzir frutos maiores que outras, como a granadilha gigante (Passiflora quadrangularis).

4. Tipos de maracujá doce:

   O maracujá amarelo comum (Passiflora edulis f. flavicarpa) é amplamente conhecido pelo seu sabor doce e picante.

5. Tipos de maracujás pequenos:

   Passiflora foetida: Também conhecida como passiflora fedorenta, produz frutos pequenos, em forma de ovo, e é muitas vezes considerada uma erva daninha.

6. Tipos de Maracujá Ornamental:

   Passiflora alata: Conhecida como passiflora de haste alada, é uma espécie cultivada pelo seu valor ornamental devido às suas flores vistosas.

7. Maracujá no Brasil:

   O Brasil é conhecido pelo cultivo de diversas variedades de maracujá, sendo o maracujá amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa) a mais comum e comercialmente importante. Outras espécies como o maracujá roxo (Passiflora edulis f. edulis) e algumas espécies silvestres de maracujá também são encontradas em diferentes regiões do país.

Note-se que a disponibilidade e os tipos específicos de maracujá podem variar nas diferentes regiões do Brasil.

5/5 - (1 {VOTO})

 Fala pessoal, espero que vocês estejam todos bem. Meu nome é Marlus, escrevo para o Blog desde 2018, sou apaixonado pelo setor agrícola. Estou sempre trazendo as melhores dicas sobre plantações para você manter sua roça linda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *