Publicidade

Pragas do maracujá que você provavelmente não sabia

Pragas do maracujá

Pragas do maracujá. A princípio, o Brasil é o maior produtor e consumidor mundial de maracujá.

Pragas do maracujá

Publicidade

Rica em vitaminas e minerais, a fruta é utilizada principalmente na produção de sucos e polpa, além de ser conhecida por princípios farmacêuticos, principalmente calmantes.

Insetos e ácaros

Eles são divididos em grandes pragas e outras pragas. Historicamente, os seguintes animais e seus principais efeitos para a cultura do maracujá incluem:

– Lagartas: comem folhas, reduzem áreas de fotossíntese de plantas, rendimentos e sucos.

Publicidade

– Percevejos: atacam e sugam a seiva das plantas, fazendo com que os botões florais caiam e, portanto, os frutos murcham.

Broca-do-maracujazeiro ou da haste: A larva abre uma galeria no caule, tornando-o quebradiço e fraco, interrompendo o fluxo de seiva e fazendo com que os galhos morram.

Publicidade

– Moscas: larvas atacam frutos e botões;

Besouro-das-flores: Come novas folhas e flores à noite, causando buracos e dificultando a produção.

Vaquinhas: Ataca e destrói brotos e frutos, causando deflexão geral, além de gratificar frutas verdes.

Outras pragas:

– Abelhas: destroem flores, prejudicam a polinização e assustam as mamangavas das abelhas, polinizam o maracujá;

– Pulgões: transmitem o vírus sugador de seiva e causam deformação foliar.

Lagarta-de-teia: penetram na fruta e destroem a polpa;

– Tripes: causa deformação das folhas, colapso de botões florais e úlceras na casca dos frutos, reduz sua qualidade e crescimento;

– Cochonilhas: alimentam-se de seiva, causando a morte das plantas.

Besouro-preto-da-flor do maracujazeiro: as larvas se alimentam de pólen, ovários e anteras florais, destruindo-os e formando frutos deformados e escuros.

– Ácaros: causam clorose, deformação do cisne e queda de folhas e morte de galhos;

Cigarrinha-verde: causam deformação e amarelamento de folhas e flores, não vingam;

– Cupins: Roem as gargantas das plantas e danificam as raízes, favorecendo a invasão fúngica.

DEIXE SUA AVALIÇÃO

 Fala pessoal, espero que vocês estejam todos bem. Meu nome é Marlus, escrevo para o Blog desde 2018, sou apaixonado pelo setor agrícola. Estou sempre trazendo as melhores dicas sobre plantações para você manter sua roça linda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *